Manual do Metabo KGS 216 M

Abaixo está disponível um manual do Metabo KGS 216 M. Todos os manuais do ManualsCat.com podem ser visualizados gratuitamente. Pelo botão "Seleccionar uma língua", podes escolher em que lingua preferes visualizar o manual.

  • Marca: Metabo
  • Produto: Máquina de serrar
  • Modelo/nome: KGS 216 M
  • Tipo de ficheiro: PDF
  • Línguas disponíveis: Holandês, Espagnol, Português, Esloveno, Inglês, Alemão, France, Italien, Suédois, Dinamarquês, Polonês, Russo, Norueguês, Finlandês, Grego, Húngaro

Índice

Página: 34
PORTUGUÊS
35
1. Vista geral do aparelho (fornecimento)
1
2
3
7
8
10
13
14
15
17
21
22
23
25
4
26
18
12
11
20
19
27
28
6
5
29
24
16
9
1 Punho da serra
2 Punho de transporte
3 Escovas de carvão
4 Motor
5 Saco para aparas
6 Adaptador de aspiração
7 Retenção para transporte
8 Gancho para enrolar cabo
9 Depósito de ferramentas para
chave de sextavado interior 6 mm
10 Barras de guia para o dispositivo de
tracção
11 Parafuso de fixação do dispositivo
de tracção
12 Iluminação da área de corte
13 Alavanca de fixação para ajuste da
inclinação
14 Batente da peça a trabalhar
15 Acessório de alargamento da mesa
+ Punho de transporte
16 Alavanca retentora prolongamento
de mesa
17 Manípulo de retenção para mesa
giratória
18 Ferrolho de trava para posições de
encaixe
19 Inserção da mesa
20 Mesa
21 Mesa giratória
22 Dispositivo de fixação da peça de
trabalho
23 Saída do laser
24 Retenção da lâmina
25 Bloqueamento de segurança
26 Interruptor de ligar/desligar da serra
27 Cabeça de serra
28 Tampa protectora pendular
29 Limitação para profundidade de
corte
Ferramenta
– Chave Alien (6 mm)
Documentação do conjunto
– Manual de utilização
– Lista de peças de substituição
I_0011pt4A.fm
22.10.10
Manual de serviços original da serra circu-
lante oscilante e serra para meia esqua-
dria
Página: 35
PORTUGUÊS
36
1. Vista geral do aparelho 
(fornecimento)........................35
2. Primeiro leia! .......................... 36
3. Segurança ..............................36
3.1 Utilização correcta ...................36
3.2 Informação Geral de 
Segurança ............................... 37
3.3 Símbolos no aparelho.............. 38
3.4 Dispositivos de segurança.......39
4. Instalação e transporte ......... 39
5. Características especiais 
do produto..............................40
6. O aparelho em si.................... 40
7. Colocação em 
funcionamento ....................... 41
7.1 Montar saco para aparas......... 41
7.2 Montar dispositivo de tracção
para peça a ser trabalhada...... 42
7.3 Conexão à rede eléctrica......... 42
8. Operação ................................ 42
8.1 Cortes rectos ...........................43
8.2 Cortar peças pequenas ........... 43
8.3 Cortes de arestas .................... 43
8.4 Cortes inclinados .....................44
8.5 Cortes de arestas duplas......... 44
8.6 Cortes de ranhuras .................. 45
9. Manutenção e reparação.......45
9.1 Substituição da lâmina 
de serra....................................45
9.2 Substituição da peça 
suplementar da mesa .............. 46
9.3 Ajustar o batente da peça 
a trabalhar................................ 47
9.4 Ajustar laser de corte............... 47
9.5 Verificar e substituir as 
escovas de carvão...................47
9.6 Limpeza do aparelho ............... 47
9.7 Armazenamento da máquina... 47
9.8 Manutenção ............................. 47
10. Conselhos e truques .............48
11. Acessórios disponíveis.... 48/66
12. Reparações ............................ 48
13. Protecção do meio 
ambiente .................................48
14. Problemas e avarias .............. 48
15. Características Técnicas.......49
16. Lâminas de serra 
fornecíveis..............................50
Este manual de serviço foi elaborado
para que o usuário possa começar a
trabalhar com o seu aparelho de um
modo rápido e seguro. Desta forma, re-
comendamos seguir algumas recomen-
dações sobre o modo como se deve ler
este manual de serviço:
– Antes de iniciar qualquer trabalho
com a máquina, leia todo o manual
de serviço. Em especial cumpra as
recomendações de segurança.
– Este manual de serviço dirige-se às
pessoas que têm conhecimentos
técnicos sobre a utilização de ferra-
mentas semelhantes às do manual.
Caso não tenha experiência com
este tipo de aparelhos, deverá pedir
ajuda a uma pessoa com experiên-
cia.
– Guarde a documentação fornecida
com o conjunto num lugar seguro
para, deste modo, poder consultá-la
sempre que for preciso. Guarde o
comprovante de compra a fim que
possa utilizar os direitos de garantia
do produto caso.
– Caso empreste ou venda a máqui-
na, junte-lhe toda a documentação
incluída.
– O fabricante não é responsável pe-
los danos provocados devido à ino-
bservância deste manual de servi-
ço.
As informações contidas neste manual
de serviço estão indicadas por meio
dos seguintes símbolos:
APerigo!
Perigo de danos pessoais ou de danos
ao meio ambiente.
BPerigo de choque eléctrco!
Advertência relativa a danos pessoais
através da eletricidade.
cPerigo de arrasto!
Aviso de danos pessoais produzidos
devido a partes do corpo que podem
ser agarradas ou roupa que possa ser
puxada.
A Atenção!
Perigo de danos materiais.
3Nota:
Informações complementares.
– Os números das figuras (1, 2, 3, ...)
– identificam as peças individuais;
– estão numerados correlativa-
mente;
– referem-se aos números corres-
pondentes entre parênteses (1),
(2), (3)... no texto a seguir.
– As instruções de manuseamento,
que se devem ter sempre em consi-
deração, estão numeradas.
– As instruções de utilização, ordena-
das arbitrariamente, estão indica-
das por meio de um ponto.
– As listagens estão indicadas por
meio de um traço.
3.1 Utilização correcta
O aparelho é adequado para cortes
longitudinais e transversais, cortes in-
clinados, cortes de meia esquadria
bem como cortes de meia esquadria
duplos. Além disso, podem ser efectua-
das entalhes.
Somente devem ser trabalhados mate-
riais que sejam apropriados para a res-
pectiva folha de serra (folhas de serra
permitidas, ver Dados Técnicos).
As dimensões permitidas das peças a
trabalhar devem ser respeitadas (ver
capítulo "Operação").
As peças de trabalho com um corte
transversal redondo ou irregular (como,
por exemplo, lenha) não devem ser
cortadas, visto que não podem ser se-
guradas de forma segura durante o
corte. Ao serrar em diagonal as peças
em trabalho planas, deve utilizar-se
para uma maior segurança um topo au-
xiliar apropriado para um guiamento
seguro da peça.
Não está especificado qualquer outro
tipo de uso. Utilizando-se inapropriada-
mente a máquina, pode-se produzir al-
terações no aparelho ou na utilização
das peças, que não foram testadas e
Índice do conteúdo 2. Primeiro leia!
3. Segurança
Página: 36
PORTUGUÊS
37
autorizadas pelo fabricante e que pode-
riam causar danos imprevistos!
3.2 Informação Geral de
Segurança
 Durante a utilização deste aparelho
deverá respeitar as recomendações
de segurança para evitar qualquer
dano material ou pessoal.
 Cumpra as instruções especiais de
segurança pormenorizadas em
cada um dos capítulos.
 Respeite as directivas legais e as
instruções para prevenção de aci-
dentes aplicáveis durante o manu-
seamento de serras com eixo de ar-
ticulação.
APerigos gerais!
 Mantenha o posto de trabalho sem-
pre limpo, dado que a desordem
nesta zona poderá causar aciden-
tes.
 Seja prudente. Preste muita aten-
ção à tarefa que realiza. Realize o
trabalho seguindo o senso comum.
Não utilize o aparelho se não é ca-
paz de concentrar-se.
 Leve em conta as condições am-
bientais. Assegure a boa iluminação
do sítio de trabalho.
 Evite as posturas incómodas. Ga-
ranta um apoio de pés firme e está-
vel que lhe garanta sempre um
equilíbrio adequado.
 Não utilize o aparelho perto de ga-
ses ou líquidos inflamáveis.
 O aparelho somente deve ser colo-
cado em funcionamento e utilizado
por pessoas conhecedoras dos pe-
rigos associados ao manuseamento
de serras com eixo de articulação. 
Os menores de 18 anos apenas po-
dem utilizar o aparelho no âmbito
de uma formação profissional sob
supervisão de um formador.
 É preciso que, sobretudo, as crian-
ças se mantenham afastadas da
zona de perigo. Durante a execu-
ção da operação deverá impedir
que outras pessoas toquem no apa-
relho ou no cabo de alimentação li-
gado à tomada eléctrica.
 Nunca sobrecarregue este aparelho
- ele só deverá ser utilizado dentro
das margens de potência indicadas
nos respectivos dados técnicos.
APerigo de descarga eléctrica!
 Não deixe o aparelho apanhar chu-
va. 
Não utilizar o aparelho em ambien-
tes húmidos ou molhados. 
Durante o trabalho com este apare-
lho jamais permita o contacto entre
o seu corpo e as peças ligadas à
terra (como por exemplo, radiado-
res, canalizações, fogões eléctricos,
frigoríficos, etc.).
 Não utilize o cabo de alimentação
do aparelho para outros fins.
APerigo de ferimento nas peças
móveis!
 Não coloque o aparelho em funcio-
namento sem ter antes instalado os
respectivos dispositivos de protec-
ção.
 Mantenha sempre uma distância
suficiente relativamente à lâmina da
serra. Se for necessário, utilize os
dispositivos de alimentação previs-
tos para o efeito. Durante o funcio-
namento deverá manter a distância
suficiente entre os componentes em
movimento.
 Antes de retirar qualquer pedaço
pequeno do interior da peça em tra-
balho, de restos de madeira etc. do
local de trabalho, espere até que a
serra circular se encontre totalmen-
te parada.
 Serre apenas peças de trabalho
cujas dimensões permitam a fixa-
ção segura durante a execução do
trabalho.
 Nunca trave a lâmina de serra em
movimento por inércia exercendo
pressão lateral.
 Antes de efectuar qualquer trabalho
de manutenção deverá verificar se
o aparelho está desligado.
 Antes de ligar o aparelho (por
exemplo, depois de efectuar traba-
lhos de manutenção) certifique-se
de que não existem ferramentas de
montagem ou peças soltas no apa-
relho.
 Quando o aparelho não for utiliza-
do, desconecte a ficha de alimenta-
ção.
APerigos de corte mesmo
quando a ferramenta de corte se en-
contra parada!
 Utilizar luvas de protecção para
efectuar a mudança de ferramen-
tas de corte.
 Guarde cuidadosamente a lâmina
da serra para que ninguém sofra
qualquer acidente.
APerigo devido a contragolpe
da cabeça da serra (a folha da serra
engata na peça de trabalho e a cabe-
ça da serra levanta-se repentinamen-
te)!
 Observar qual é a folha de serra
que melhor se adapta ao material
da peça em trabalho.
 Segure bem o punho. Quando a fo-
lha da serra entrar na peça de tra-
balho, o perigo de contragolpe é
particularmente elevado.
 Serre apenas peças em trabalho
delgadas ou de paredes delgadas
com folha de serra de dentes de
precisão.
 Utilize sempre lâminas de serra
afiadas. Substitua imediatamente
as folhas de serra que não estejam
afiadas. Existe um perigo adicional
de contragolpe quando um dente da
serra mal afiado engata na superfí-
cie da peça de trabalho.
 Nunca incline as peças.
 Ao fazer ranhuras, evite exercer
uma pressão lateral sobre a folha
da serra – utilize um dispositivo ten-
sor.
 No caso de dúvidas, examine as
peças em trabalho em relação a
corpos estranhos (por exemplo,
pregos ou parafusos).
 Nunca corte múltiplas peças simul-
taneamente – nem qualquer feixe
composto por diversas peças indivi-
duais. Existe o risco de acidentes
quando diversas peças individuais
são agarradas sem controlo pela fo-
lha de serra.
cPerigo de arrasto!
 Esteja atento para que durante o
funcionamento nenhuma parte do
corpo ou peças de roupa sejam pe-
gas e puxadas pelas peças em ro-
Página: 37
PORTUGUÊS
38
tação (nenhuma gravata, nenhu-
ma luva, nenhuma peça de roupa
com mangas largas; em caso de
cabelos longos, é imprescindível
portar rede de cabelo).
 Nunca cortar peças de trabalho que
contenham
– cordas,
– cordões
– faixas
– cabos ou
– arames ou que contenham mate-
riais semelhantes.
AAtenção: perigo em caso de
equipamento de protecção pessoal
insuficiente.
 Use protecção auricular.
 Use óculos de protecção.
 Use máscara de protecção contra o
pó.
 Use roupa de trabalho adequada.
 Use calçado não escorregadio.
AAtenção: perigo ocasionado
pelo pó de madeira!
 Alguns tipos de pó de madeira (por
exemplo, de faia, carvalho ou freixo)
podem causar cancro ao ser inspira-
do: Trabalhe apenas com a instala-
ção de aspiração. A instalação de
aspiração deverá cumprir os valores
indicados nas especificações técni-
cas.
 Ao trabalhar, tente libertar a menor
quantidade possível de pó de madei-
ra:
– Elimine os depósitos de pó de
madeira da zona de trabalho (não
soprar!);
– Elimine eventuais fugas que exis-
tam na instalação de aspiração;
– Tente manter sempre a melhor
ventilação possível.
APerigo devido a modificações
técnicas ou à utilização de peças
não verificadas nem aprovadas pelo
fabricante da máquina!
 Monte este aparelho seguindo estri-
tamente este manual.
 Utilizar exclusivamente as peças
autorizadas pelo fabricante. espe-
cialmente no caso das peças se-
guintes:
– Folhas de serra (consultar o nú-
mero de referência no capítulo
"Características Técnicas");
– dispositivos de segurança (para
saber o correspondente número
de pedido deve-se consultar a
lista de peças de substituição).
 Não efectue modificação alguma
nas peças.
 Observe o número de rotações má-
ximo indicado na lâmina de serra.
AAtenção: perigo de ocasionar
danos no aparelho!
 Limpar cuidadosamente o aparelhos
e os respectivos acessórios. Siga as
prescrições de manutenção.
 Antes de iniciar o funcionamento, cer-
tifique-se de que não há nenhum es-
trago: para poder continuar a utilizar a
máquina, verifique se o funcionamen-
to dos dispositivos de segurança e
protecção, além das peças estraga-
das está correcto e conforme para
com a sua finalidade. Verifique se to-
das as peças móveis funcionam cor-
rectamente e não estão emperradas.
Todas as peças deverão ser correcta-
mente montadas e cumprir todas as
condições para assim garantir o per-
feito funcionamento do aparelho.
 Não utilize folhas de serra danificadas
ou deformadas.
 Os dispositivos de protecção ou as
peças danificadas devem ser repara-
das ou trocadas numa oficina espe-
cializada autorizada. Para a substitui-
ção de interruptores danificados dirija-
se a uma oficina de serviço pós-ven-
da autorizada. Não utilizar o aparelho
se não for possível ligá-lo ou desligá-
lo mediante o interruptor.
 Conserve todos os manípulos secos e
isentos de óleo e massa lubrificante.
APerigo devido a ruído!
 Use protecção auricular.
 Devido a motivos de protecção so-
nora, preste atenção para que a fo-
lha de serra não esteja empenada.
Uma folha de serra empenada origi-
na oscilações em escala particular-
mente elevadas. Isto traduz-se na
formação de ruído.
APerigo devido à radiação laser!
Os raios laser podem causar lesões
graves nos olhos.
Nunca olhe directamente para o orifício
de saída da radiação laser.
APerigo devido a peças em tra-
balho bloqueadoras ou peças em
trabalho!
Se surgir um bloqueio:
1. Desligue o aparelho.
2. Retire a ficha da tomada.
3. Portar luvas.
4. Remover o bloqueio com uma ferra-
menta adequada.
3.3 Símbolos no aparelho
APerigo!
Se não respeitar as seguintes adver-
tências pode ocasionar lesões graves
ou danos materiais.
Símbolos no aparelho
30 Advertência devido a irradiação
de laser Classe de laser 2: Não
olhar para o feixe!
31
32 33 34 35 36
30
Página: 38
PORTUGUÊS
39
Informação sobre a placa indica-
dora do tipo:
3.4 Dispositivos de 
segurança
Cobertura protectora pendular (45)
A cobertura protectora pendular prote-
ge de toque involuntário da lâmina de
serra e aparas suspensas no ar.
Bloqueamento de segurança(46)
O bloqueamento de segurança blo-
queia a cobertura da folha de serra re-
tráctil: a folha de serra permanece co-
berta e a serra de remate não pode ser
baixada enquanto o bloqueamento de
segurança não for basculado para o la-
do.
Batente da peça a trabalhar(47)
O batente da peça a trabalhar evita que
uma peça de trabalho se desloque du-
rante o corte. O batente da peça a tra-
balhar tem de estar sempre montado
durante o funcionamento da serra.
O perfil suplementar (48) no batente da
material a ser trabalhado pode ser des-
locado para o trabalho de serrar de ma-
teriais a ser trabalhados longos soltan-
do-se o parafuso de retenção (49):
Montar punho de transporte
 Aparafusar o punho de transporte
na cabeça da serra. Esteja atento,
para que a saliência esteja em con-
tacto com a reentrância (50) no ca-
beçote da serra.
Montar prolongamento da mesa
1. Retirar prolongamento da mesa di-
reito e esquerda da embalagem do
transporte.
2. Desaparafusar parafusos (53) nos
trilhos guia do prolongamento direi-
to e esquerdo.
3. Deslocar trilhos guia dos prolong-
mentos da mesa complementa indo
ao assento (representado a seguir:
prolongamento da mesa direito).
3Aviso
Esteja atento para que o batente longi-
tudinal (51) no prolongamento da mesa
como representado basculável para ci-
ma.
4. Levante o aparelho pelos dois pés
da frente, incline-o para trás com
cuidado e coloque-o na sua posição
de forma que esteja seguro com um
movimento bascular.
31 Segurança provada, TÜV
(apenas 230V)
32 Advertência quanto a ponto de
perigo
33 Não toque na lâmina de serra
34 Não trabalhe com o aparelho em
ambientes húmidos ou molhados.
35 Leia o manual de serviço.
36 Use óculos de protecção e pro-
tecção auricular.
37 Fabricante
38 Número do artigo e número de
série
39 Denominação da máquina
40 Dados do motor (ver também as
"Características técnicas")
41 Ano de fabricação
42 Símbolo CE – Este aparelho cum-
pre as directivas da UE segundo a
declaração de conformidade
43 Símbolo de eliminação – o apare-
lho pode ser devolvido ao fabri-
cante para ser reciclado
44 Dimensões autorizadas da folha
de serra
37
38
39
40
41
42 43 44
45
46
47
48 49
4. Instalação e transporte
50
51
52
Página: 39
PORTUGUÊS
40
5. Aparafusar novamente os parafu-
sos (53) nos trilhos guia novamen-
te.
6. Levante o aparelho pelos dois pés
da frente, incline-o para a frente
com cuidado e coloque-o na sua
posição.
7. Ajustar largura da mesa desejada e
travar o prolongamento da mesa
com alavanca retenção (52).
Montagem
Para um trabalho seguro, o aparelho
tem de ser fixo sobre uma base sólida.
– Como base poderá utilizar uma pla-
ca de trabalho montada de modo
fixo ou uma bancada.
– A altura ideal da base é de 800 mm.
– O aparelho também deverá estar
seguro ao trabalhar com peças
maiores.
– Materiais a ser trabalhados longos
precisam ser apoiados com acessó-
rio adequado suplementarmente.
3Aviso
Para a utilização móvel, o aparelho
pode ser aparafusado sobre uma placa
de contraplacado ou placas planas
para mesas (500 mm x 500 mm, pelo
menos, 19 mm de espessura). Durante
a utilização a placa tem de ser fixada
com grampos de carpinteiro a uma
bancada.
1. Aparafuse o aparelho sobre a base.
2. Soltar retenção para transporte:
Premir a cabeça da serra ligeira-
mente para baixo e travar.
Puxar para fora retenção para
transporte (55) do entalhe profundo
(54) , a fim de girar em 90° e enga-
tar no entalhe raso (56).
3. Eleve lentamente a cabeça de serra
para cima.
4. Guarde a embalagem para futuras
utilizações ou elimine de modo eco-
lógico.
Transporte
1. Desactivar, se necessário, a limita-
ção de profundidade de corte (57).
2. Engatar cabeça da serra para baixo
e engatar retenção para transporte
(55) no entalhe mais profundo (56).
3. Desmonte as peças que sobressa-
em do aparelho.
4. Eleve o aparelho através do punho
de transporte.
– Área de ângulos de corte de 45
para cortes inclinados para a es-
querda.
– Área de ângulos de corte de 94
para cortes de meia esquadria (47
para a esquerda até 47 para a di-
reita) com nove posições de enga-
te.
– Limitação de profundidade de corte
integrado para produzir ranhuras.
– Construção precisa e robusta em
alumínio fundido.
– Lâmina de serra com metal duro.
– Mudança fácil da lâmina de serra,
através da retenção da lâmina de
serra e sem desmontagem da tam-
pa protectora pendular.
– Dispositivo de fixação para serrar
materiais a ser trabalhados mais
largos.
– Extensão da mesa e batente delimi-
tador de comprimento para poder
trabalhar com segurança as peças
mais compridas.
– Dispositivo de fixação da peça de
trabalho para uma fixação segura
das peças de trabalho.
– Saco para recolher as aparas de
maneira fácil e eficaz.
– Dispositivo laser indicador de corte
para alinhar com precisão os traça-
dos e as linhas por onde se deverá
serrar.
– Iluminação na áre do corte.
Chave de Lig/ Desl. do motor (58)
Ligar o motor:
 Prima o interruptor ligar/desligar e
mantenha premido.
Desligar o motor:
 solte o interruptor de Ligar/Desligar.
Chave de Lig/ Desl. da iluminação da
área de corte (59)
Ligar e desligar iluminação da área de
corte.
Chave de Lig/ Desl. do laser de
corte (60)
Ligar e desligar laser de corte.
53 54 55
56
57
5. Características espe-
ciais do produto
6. O aparelho em si
Página: 40
PORTUGUÊS
41
Ajuste da inclinação
Após soltar a alavanca de fixação (61)
no lado traseiro, a serra pode ser incli-
nada progressivamente entre 0° e 45°
para a esquerda em relação à vertical.
A Cuidado!
Para que o ângulo de inclinação não se
possa alterar durante o corte, a alavan-
ca de fixação do braço basculante de-
verá estar bem apertada.
Mesa giratória
Após se ter desbloqueado o manípulo
de fixação e o (63) trinco de retenção
(62), a mesa giratória pode ser girada
em 47° para a esquerda ou em 47°
para a direita para ângulo de meia es-
quadria. Deste modo, o ângulo de corte
em relação ao encosto da peça de tra-
balho pode ser ajustado.
A mesa giratória engata nos estágios
de ângulo 0°, 15°, 22,5°, 30° e 45°.
A Atenção
(63)Para que o ângulo de meia esqua-
dria não se altere durante o corte, o
manípulo de fixação da mesa giratória
(também nas posições de engate!)
deve ser apertado.
Dispositivo de tracção
Com o dispositivo de tracção também
podem ser cortadas peças de trabalho
com um corte transversal maior. O dis-
positivo de tracção, pode ser aplicado
para todos os tipos de corte (cortes
rectos, cortes de meia esquadria, cor-
tes inclinados e cortes de meia esqua-
dria duplos e cortes para ranhuras).
A figura a seguir mostra o dispositivo
de tensionamento na posição frontal.
Se o dispositivo de tracção não preci-
sar ser usado, travá-lo com o parafuso
de retenção (64) posição traseira.
Limitação da profundidade de corte
A limitação da profundidade de corte
(65) possibilita, em conjunto com o dis-
positivo de tracção, a elaboração de ra-
nhuras.
7.1 Montar saco para aparas
APerigo!
Alguns tipos de pó de madeira (por
exemplo, de faia, carvalho ou freixo)
podem causar cancro ao ser inspirado:
– Trabalhe apenas com um saco para
aparas montado ou uma unidade
para aspiração de aparas adequa-
da.
– Adicionalmente, utilize uma másca-
ra de protecção contra o pó, pois
nem todos os pós da madeira são
recolhidos ou aspirados.
– Esvazie regularmente o saco para
aparas. Utilize uma máscara de
protecção contra o pó ao esvaziar o
saco.
Quando coloca o aparelho em funcio-
namento com o saco para aparas for-
necido:
 Apóis o saco para aparas (68) so-
bre os apoios para aspiração de
aparas (66). Esteja atento para que
o fecho ecler (67) do saco para
aparas esteja fechado.
58 59 60
61
62 63
64
7. Colocação em funciona-
mento
65
Página: 41
PORTUGUÊS
42
Se conectar o aparelho a uma unidade
para aspiração de aparas:
 Para a conexão ao bocal de aspira-
ção de aparas, utilize um adaptador
adequado.
 Esteja atento para que o equipa-
mento de aspiração de aparas pre-
encha as exigências citadas no ca-
pítulo "Dados Técnicos".
 Respeite também o manual de ins-
truções da unidade para aspiração
de aparas!
7.2 Montar dispositivo de
tracção para peça a ser
trabalhada
O dispositivo de fixação da peça a ser
trabalhada pode ser montado em duas
posições distintas:
– Para materiais a ser trabalhado lar-
gos:
Empurrar para dentro o dispositivo
de fixação da peça a ser trabalhada
no orifício de trás (70) da mesa e as-
segurar com parafuso de retenção
(71):
– Para materiais a ser trabalhado cur-
tos: Soltar o parafuso de retenção e
empurrar para dentro o dispositivo
de fixação da peça a ser trabalhada
no orifício da frente (69)(72) da me-
sa:
7.3 Conexão à rede eléctrica
BPerigo! Corrente eléctrica
 Coloque a máquina unicamente em
lugares secos.
 Só utilize a máquina quando estiver
ligada a uma fonte energética em
conformidade com os seguintes re-
quisitos (ver também “Dados técni-
cos”):
– A voltagem e a frequência de ali-
mentação eléctricas devem coin-
cidir com os dados indicados na
placa de características da má-
quina;
– Fusível de protecção equipado
com um interruptor FI com um
disjuntor residual de 30 mA.;
– Tomadas instaladas correcta-
mente e conforme as normas,
aterradas e testadas.
 Estenda o cabo de alimentação de
modo que não impeça o trabalho e
não seja facilmente danificado du-
rante o funcionamento.
 Proteja o cabo contra calor, líquidos
agressivos e superfícies cortantes.
 Utilize, como cabo de extensão,
apens cabos de borracha com sec-
ção suficiente (3 × 1,5 mm2
).
 Nunca desligue a ficha de alimenta-
ção da tomada puxando pelo cabo
de alimentação.
 Antes do trabalho, verifique se os
dispositivos de segurança funcio-
nam correctamente.
 Use o equipamento pessoal de pro-
tecção.
 Adopte uma posição de trabalho
correcta:
– de frente, no lado operativo da
máquina;
– em frente da serra;
– ao lado da linha de corte da lâmi-
na de serra;
APerigo!
Durante o serrar, a peça precisa estar
sempre bem fixado com auxílio do dis-
positivo de fixação da peça a ser traba-
lhada.
 Jamais serre materiais que não
possa fixar firmemente em um dis-
positivo de tensionamento de peça
a ser trabalhada.
APerigo de esmagamento!
Ao inclinar ou bascular a cabeça de
serra, não coloque as mãos na área
das dobradiças ou por baixo do apare-
lho!
 Ao incliná-la, segure a cabeça da
serra.
 Durante o trabalho, utilize:
– Um suporte para peças de traba-
lho, caso possam cair da mesa
por causa da sua longitude de-
pois de cortadas;
– Saco de aparas ou equipamento
de aspiração de apara.
 Serre apenas peças de trabalho
cujas dimensões permitam a fixa-
ção segura durante a execução do
trabalho.
 Ao serrar, pressione sempre a peça
contra a bancada e não a incline.
Nunca trave a folha da serra exer-
cendo uma pressão lateral. Existe o
perigo de acidente ao bloquear a fo-
lha da serra.
66 68
67
70 71
69
72
8. Operação
Página: 42
PORTUGUÊS
43
8.1 Cortes rectos
Dimensão máxima da peça em traba-
lho (informações em mm):
Posição inicial:
– Retenção para transporte retirada.
– Dobrar a serra para cima;
– Limite de corte profundo desactiva-
do.
– A mesa giratória encontra-se na po-
sição 0; o manípulo de fixação da
mesa giratória encontra-se aperta-
do.
– A inclinação do braço basculante na
vertical é de 0; a alavanca de fixa-
ção do ajuste de inclinação está
apertada.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
Corte da peça de trabalho:
1. Premir a peça a ser trabalhada con-
tra o batente da peça de trabalho e
travar com auxílio do dispositivo de
fixação da peça a ser trabalhada.
2. Nas peças de trabalho mais largas,
puxe a cabeça da serra para a fren-
te (para o operador) durante o cor-
te.
3. Accione trava de segurança (73) e
premir a chave de Lig/ Desl. (74) e
mantê-las premida.
4. Através do punho, baixar lentamen-
te a cabeça de serra para baixo e,
eventualmente, deslocar para trás
(afastar do operador). Durante o
corte, aperte a cabeça de serra su-
avemente contra a peça em traba-
lho para que o número de rotações
do motor não diminua demais.
5. Efectuar o corte numa só passa-
gem.
6. Largar o interruptor Ligar/Desligar e
deixar a cabeça de serra virar lenta-
mente para a posição inicial supe-
rior.
8.2 Cortar peças pequenas
Ao cortar com o dispositivo de tracção
pode acontecer que a tampa protectora
pendular fique presa na peça de traba-
lho durante a deslocação para trás.
 Se isso acontecer, liberte o interrup-
tor de ligar/desligar e bascule lenta-
mente a cabeça de serra para a po-
sição inicial superior.
Só em casos excepcionais é que a
tampa protectora pendular fica presa
na peça de trabalho, por exemplo:
– ao serrar cortes pequenos que, de-
vido à sua largura precisam ser ser-
rados com a função de tracção;
– durante o corte de meia esquadria
duplo para o lado esquerdo.
Nestes casos, proceda do seguinte
modo:
Todas as regulações da serra (posição
da mesa giratória e inclinação da cabe-
ça de serra) não são alteradas para o
corte pretendido.
Apenas é alterado o sentido de corte
enquanto corta a peça de trabalho.
1. Pressione a peça de trabalho contra
o encosto e fixe-a com um dispositi-
vo de fixação da peça a trabalhar.
2. Desloque a cabeça de serra total-
mente para trás (afastar do utiliza-
dor).
3. Accione trava de segurança (73) e
premir a chave de Lig/ Desl. (74) e
mantê-las premida.
4. Baixe a cabeça de serra lentamen-
te para baixo enquanto segura o
punho com ambas as mãos. Duran-
te o corte, aperte a cabeça de serra
suavemente contra a peça em tra-
balho para que o número de rota-
ções do motor não diminua demais.
5. Puxe a cabeça de serra para a fren-
te (em direcção ao utilizador).
6. Efectuar o corte numa só passa-
gem.
7. Largue o interruptor ligar/desligar e
deixe a cabeça de serra virar lenta-
mente para a posição inicial supe-
rior.
8.3 Cortes de arestas
3Nota:
Nota: Durante o corte em meia esqua-
dria, a peça de trabalho é cortada num
ângulo do canto de encosto traseiro.
KGS 216 M KGS 254 M
Largura aprox. 305 305
Altura aprox. 65 90
73 74
75 76
Página: 43
PORTUGUÊS
44
Dimensão máxima da peça em traba-
lho (informações em mm):
Posição inicial:
– Retenção para transporte retirada.
– Dobrar a serra para cima;
– Limite de corte profundo desactiva-
do.
– A inclinação do braço basculante na
vertical é de 0; a alavanca de fixa-
ção do ajuste de inclinação está
apertada.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
Corte da peça de trabalho:
1. Desaparafuse o manípulo de fixa-
ção (79) da mesa giratória (78) e
solte o ferrolho de trava (77).
2. Ajustar o ângulo desejado.
3Nota:
As mesas giratórias engatam nos está-
gios de ângulo 0°, 15°, 22,5°, 30° e
45°.
3. Apertar manípulo de fixação da
mesa giratória.
4. Serrar a peça em trabalho como
descrito em "Cortes rectos".
8.4 Cortes inclinados
3Nota:
Nota: Durante o corte inclinado, a peça
de trabalho é cortada num ângulo na
vertical.
Dimensão máxima da peça em traba-
lho (informações em mm) com um ân-
gulo de inclinação de 45:
Posição inicial:
– Retenção para transporte retirada.
– Dobrar a serra para cima;
– Limite de corte profundo desactiva-
do.
– A mesa giratória encontra-se na po-
sição 0; o manípulo de fixação da
mesa giratória encontra-se aperta-
do.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
Serrar a peça a trabalhar:
1. Solte a alavanca de fixação (80) do
ajuste de inclinação no lado traseiro
da serra.
2. Incline lentamente o braço bascu-
lante para a posição desejada.
3. Aperte a alavanca de fixação do
ajuste de inclinação.
4. Serrar a peça, tal como foi descrito
em "Cortes a direito".
8.5 Cortes de arestas duplas
3Nota:
Nota: O corte em meia esquadria du-
pla é uma combinação do corte em
meia esquadria e do corte inclinado.
Ou seja, a peça de trabalho é cortada
obliquamente em relação ao canto guia
posterior e à superfície.
APerigo!
Durante o corte em meia esquadria du-
pla, a folha da serra está mais facil-
mente acessível devido à forte inclina-
ção - desta forma, existe um perigo
adicional de ferimentos. Mantenha uma
distância suficiente da folha da serra!
Dimensão máxima da peça em traba-
lho (informações em mm) com um ân-
gulo de inclinação de 45:
Posição inicial:
– Retenção para transporte retirada.
– Dobrar a serra para cima;
– Limite de corte profundo desactiva-
do.
Posição
da
mesa
giratória
Largura
aprox.
Altura aprox.
KGS
216 M
KGS
254 M
15° 295 65 90
22,5° 280 65 90
30° 260 65 90
45° 215 65 90
77 78
79
KGS 216 M KGS 254 M
Largura
aprox.
305 305
Altura
aprox.
36 47
Posição
da
mesa
giratória
Largura
aprox.
Altura aprox.
KGS
216 M
KGS
254 M
15° 295 36 47
22,5° 280 36 47
30° 260 36 47
45° 215 36 47
80
Página: 44
PORTUGUÊS
45
– A mesa giratória está ajustada na
posição angular desejada;
– Braço basculante inclinado no ân-
gulo pretendido em relação à super-
fície da peça a trabalhar e retido.
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
Corte da peça de trabalho:
 Serrar a peça, tal como foi descrito
em "Cortes a direito".
8.6 Cortes de ranhuras
3Nota:
A limitação da profundidade de corte
possibilita, em conjunto com o dispositi-
vo de tracção, a elaboração de ranhu-
ras. Aqui não é efectuado um corte se-
parador pois a peça de trabalho
somente é cortada até uma determina-
da profundidade.
A Perigo de contragolpe!
Ao fazer ranhuras, é muito importante
que a folha da serra não seja sujeita a
uma pressão lateral. Caso contrário, a
cabeça da serra pode-se levantar de
repente! Ao fazer ranhuras, utilize um
dispositivo tensor. Evite exercer uma
pressão lateral sobre a cabeça da ser-
ra.
Posição inicial:
– Retenção para transporte retirada.
– Dobrar a serra para cima;
– Braço basculante inclinado no ân-
gulo pretendido em relação à super-
fície da peça de trabalho e fixo nes-
sa posição.
– A mesa giratória está ajustada na
posição angular desejada;
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
Corte da peça de trabalho:
1. Ajuste a limitação da profundidade
de corte (81) para a profundidade
de corte desejada e fixe essa posi-
ção com uma contraporca.(82)
2. Bascular bloqueio de segurança e
cabeça da serra para baixo a fim de
controlar a profundidade de corte
ajustada:
3. Fazer corte de teste.
4. Se necessário, repetir as etapas 1 e
3, até que a profundidade de corte
de corte desejada esteja ajustada.
5. Serrar a peça, tal como foi descrito
em "Cortes a direito".
APerigo!
Antes de realizar qualquer trabalho de
manutenção e limpeza deverá desco-
nectar a ficha de conexão à rede eléc-
trica.
– Toda as reparações ou operações
de manutenção, para além das des-
critas nesta secção, apenas podem
ser levadas a cabo por pessoal es-
pecializado.
– Só substitua peças danificadas, so-
bretudo os dispositivos de seguran-
ça, por peças genuínas. Peças que
não tenham sido testadas e libera-
das pelo fabricante, podem causar
danos imprevisíveis.
– Depois da manutenção ou limpeza
accione e verifique os dispositivos
de segurança.
9.1 Substituição da lâmina de
serra
ARisco de queimaduras!
Logo após o serrar, a lâmina de serra
pode estar muito quente. Deixe a lâmi-
na arrefecer bem. Não limpe um disco
da serra quente com líquidos combustí-
veis.
APerigo de corte também quan-
do a lâmina de serra está parada!
Ao soltar e apertar o parafuso tensor, a
tampa protectora pendular deve encon-
trar-se virada sobre a lâmina de serra.
Use sempre luvas ao substituir as fo-
lhas de serra.
1. Travar a cabeça da serra na posi-
ção de cima.
2. Para bloquear a folha de serra, pri-
ma o botão de retenção (83) e com
a outra mão, rode a folha de serra
até o botão de retenção engrenar.
3. Dasatarraxa parafuso tensor (85)
no eixo do disco da serra com cha-
ve sextavada interna (rosca esquer-
da!).
9. Manutenção e reparação
81 82
84
83
Página: 45
PORTUGUÊS
46
4. Soltar bloqueio de segurança (84) e
levar a cobertura protectora pendu-
lar (87) para cimar e reter.
5. Tirar flange externo (86) e lâmina
de serra cuidadosamente do eixo
da lâmina de serra, e fechar a co-
bertura protetora pendular nova-
mente.
APerigo!
Não utilize detergentes (por exemplo,
para eliminar resíduos de resina), que
possam atacar componentes de metal
leve; caso contrário a fixação da serra
pode ficar prejudicada.
6. Limpe a superfície de fixação:
– eixo do disco de serra (88),
– lâmina de serra:
– flange exterior (86),
– abraçadeira interior (90).
APerigo!
Coloque correctamente a abraçadeira
interior! Caso contrário, a serra pode-
se bloquear ou a folha da serra pode-
se soltar! A abraçadeira interior está
colocada correctamente quando a ra-
nhura circular apontar para o lado pla-
no do motor.
7. Encaixe a abraçadeira interior (90).
8. Soltar bloqueio de segurança e le-
var a cobertura protectora pendu-
lar para cimar e reter.
9. Colocar lâmina de serra nova –
Obedecer o sentido de rotação: Ob-
servando do lado esquerdo (aber-
to), a seta na lâmina de serra preci-
sa estar coincidindo com o sentido
da seta (89) na cobertura protectora
da serra!
APerigo!
Utilize apenas folhas de serra adequa-
das que estão concebidas para as rota-
ções máximas (ver "Dados técnicos") –
em caso de folhas de serra danificadas
ou inadequadas, as peças podem ser
arremessadas de modo explosivo devi-
do à força centrífuga.
Nunca utilize:
– Discos de alumínio duro (HSS);
– Folhas de serra danificadas;
– Separadores.
APerigo!
– Instale as lâminas utilizando apenas
peças originais.
– Não desaperte os casquilhos; a lâ-
mina pode ficar solta.
– A lâmina tem de ser instalada de
modo a não ficar desequilibrada, ou
colocada excentricamente, pois
pode desapertar-se durante a rota-
ção.
10. Fechar a cobertura protectora pen-
dular novamente.
11. Coloque a flange exterior – A super-
fície plana tem de indicar para o
motor!
12. Coloque o parafuso tensor (rosca
à esquerda!) e aperte com a mão.
Para bloquear a folha de serra, pri-
ma o botão de retenção e com a
outra mão rode a folha de serra até
o botão de retenção engrenar.
APerigo!
– Nunca prolongue o dispositivo para
aparafusar a lâmina da serra.
– Não apertar o parafuso de fixação
mediante pancadas na chave de
montagem.
13. Apertar novamente o parafuso de
tensor firmemente.
14. Verificar as funções. Para tal, desa-
tarraxar o bloqueio de segurança e
bascular a serra circulante oscilante
para baixo:
– A tampa protectora pendular de-
verá libertar a folha da serra ao
virar para baixo, sem tocar nou-
tras peças.
– Ao bascular a serra para a posi-
ção inicial, a cobertura protectora
pendular tem de cobrir automati-
camente a folha de serra.
– rode a folha de serra com a mão.
A folha de serra tem de rodar em
qualquer posição de ajuste sem
tocar noutras peças.
9.2 Substituição da peça
suplementar da mesa
APerigo!
Sempre que exista uma peça suple-
mentar da mesa existe o perigo de que
alguns objectos pequenos fiquem obs-
truídos entre essa peça e a lâmina da
serra podendo bloquear o sistema.
Substitua imediatamente as peças su-
plementares da mesa que estejam da-
nificadas!
1. Desaparafusar parafusos na inser-
ção da mesa (91). Girar, se neces-
sário, a Mesa giratória e inclinar a
cabeça da serra para poder ter
acesso aos parafusos.
2. Remova a inserção da mesa .
3. Coloque a inserção da mesa nova.
4. Aperte os parafusos no reforço de
mesa.
85 86
87
88 90
89
91
Página: 46
PORTUGUÊS
47
9.3 Ajustar o batente da peça
a trabalhar
1. Solte os parafusos de cabeça sex-
tavada interna (92).
2. Alinhe o batente da peça a traba-
lhar (91) de modo a estar num ân-
gulo recto em relação à folha de
serra quando a mesa giratória está
na posição 0.
3. Aperte os parafusos de cabeça sex-
tavada interior (92).
9.4 Ajustar laser de corte
1. Desaparafusar cobertura do laser
(94) e, se necessário, limpar vidro
na cobertura por fora.
Alinhar o laser em ângulo recto
2. Soltar parafuso sextavado interno
direito (97) e/ou parafuso sextavado
esquerdo (95) ou apertá-lo, a fim de
alinhar o laser em ângulo recto.
Alinhar lateralmente o laser
3. Soltar parafuso sextavado interno
do centro (96).
4. Empurrar unidade de laser no orifí-
cio oblongo horizontal:
– Para a direita = Linha de traçado
é deslocada pelo usuário (da sua
perspectiva) para a direita.
– Para a direita = Linha de traçado
é deslocada pelo usuário (da sua
perspectiva) para a esquerda.
5. Apertar parafusos sextavado inter-
no do centro novamente.
6. Aparafusar cobertura do laser (94)
novamente.
9.5 Verificar e substituir as
escovas de carvão
Pode-se reconhecer que as escovas de
carvão estão desgastadas através:
– de um funcionamento irregular do
motor;
– avarias na recepção das emissões
de rádio e televisor, enquanto o mo-
tor está em funcionamento;
– da paragem do motor.
Para verificar e substituir as escovas
de carvão:
1. Retire a ficha da tomada.
2. Desaparafuse o tampão das esco-
vas de carvão na caixa do motor
com uma chave de fendas adequa-
da.
A figura ilustra a substituição da es-
cova de carvão dianteira (98). A se-
gunda escova de carvão encontra-
se no lado oposto da caixa do mo-
tor.
3. Remova as escovas de carvão (98)
e verifique. A escova tem de ter,
pelo menos, 8 mm de comprimento.
4. Coloque as escovas de carvão
boas na calha. As abas laterais da
pequena placa de metal têm de en-
caixar nas ranhuras laterais na ca-
lha.
5. Volte a enroscar o tampão.
6. Repita as etapas 2 até 5 respectiva-
mente a fim de substituir a segunda
escovas de carvão no lado oposto
do motor.
7. Verifique o funcionamento da serra.
9.6 Limpeza do aparelho
Retire pó de serra e pó com escova ou
aspirador de pó de/do
– Dispositivos de ajuste;
– Elementos de funcionamento;
– Abertura de arrefecimento do mo-
tor;
– Espaço por baixo da inserção da
mesa.
– Espaço sobre a unidade de laser.
9.7 Armazenamento da
máquina
APerigo!
 Guarde a máquina de maneira a
que ninguém sem autorização a
possa utilizar.
 Certifique-se de que ninguém se
pode ferir com o aparelho.
A Cuidado!
 Não guarde o aparelho sem protec-
ção ao ar livre ou em ambientes hú-
midos.
 Tenha em consideração as condi-
ções ambientais necessárias (con-
sultar também o capítulo "Caracte-
rísticas Técnicas").
9.8 Manutenção
Antes de cada aplicação
 Remover as aparas de corte com
um aspirador ou pincel.
 Comprove se os cabos e a tomada
da rede estão deteriorados e, se for
preciso, peça ajuda a um técnico
electricista qualificado.
 Comprovar se todas as peças po-
dem mover-se de forma livre por
toda a zona de deslocamento.
Regularmente, dependendo das con-
dições de aplicação
 Controlar todas uniões aparafusa-
das, se necessário, apertar.
 Verifique a função de reposição da
cabeça da serra (a cabeça da serra
deverá regressar à posição inicial
superior, através de um efeito de
mola) e, se for necessário, substi-
tua-a.
 Aplique um pouco de óleo nos ele-
mentos das guias.
92 92
93
96
94 95 97
98
Página: 47
PORTUGUÊS
48
– Nas peças de trabalho compridas
utilize, à esquerda e à direita da
serra, uma base apropriada.
– No caso de cortes inclinados, segu-
re a peça de trabalho à direita da
folha da serra.
– Ao cortar peças pequenas, utilize
um batente adicional (como batente
adicional pode ser utilizado, p.ex.
uma tábua de madeira adequada
que é aparafusada no batente do
aparelho).
– Ao cortar uma tábua ondulada (em-
penada), coloque o lado com a on-
dulação para o exterior, no batente
da peça de trabalho.
– Não cortar as peças a trabalhar ao
alto, mas sim, colocá-los deitados
na mesa giratória.
– Manter as superfícies das mesas de
apoio limpas – remover principal-
mente resíduos de resina com um
spray de limpeza e de conservação
adequado.
Para serviços especiais podem ser ad-
quiridos no comércio especializado os
seguintes acessórios – as ilustrações
podem ser vistas na contracapa final:
A Depósito para a lâmina da serra
para um armazenamento seguro
das lâminas da serra e dos acessó-
rios.
B Spray de manutenção e tratamento 
para remover resíduos de resina e
conservar as superfícies metálicas.
C Adaptador do aspirador
para ligação de um equipamento
aspirador de aparas nas tubuladu-
ras de aspiração de aparas.
D Bases da máquina
Bases da máquina e prolongamento
da mesa em construção estável e
robusta. Altura regulável.
Lâminas de serra para KGS 216 M:
E Folha de serra em metal duro
216 x 2,4 / 1,8 x 30 24 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira maciça.
F Folha de serra em metal duro
216 x 2,4 / 1,8 x 30 48 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira maciça e contra-
placado.
G Folha de serra em metal duro
216 x 2,4 / 1,8 x 30 60 FT
para cortes longitudinais e transver-
sais em placas revestidas e folhea-
das.
Lâminas de serra para KGS 254 M:
H Folha de serra em metal duro
254 x 2,4 / 1,8 x 30 24 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira maciça e contra-
placado sem revestimento.
I Folha de serra em metal duro
254 x 2,4 / 1,8 x 30 48 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira e painéis.
J Folha de serra em metal duro
254 x 2,4 / 1,8 x 30 60 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira, painéis e perfis de
plástico com parede larga.
K Lâmina de serra de metal duro 
254 × 2,4 / 1,8 × 30 80 FT
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira, painéis, canaletas
de cabo, placas folheadas de alta
qualidade e laminados.
APerigo!
Reparações em ferramentas eléctrcas
só devem ser efectuadas por eletricis-
tas!
Ferramentas eléctricas que necessi-
tem de reparações podem ser enviadas
aos representantes autorizados do seu
país. Os endereços encontram-se na
lista de peças de reposição.
Por favor, descreva o defeito constata-
do antes de enviar a peça para repara-
ção.
O material de embalagem da máquina
é 100% reciclável.
As ferramentas eléctricas sem possibili-
dade de reparação e os acessórios
contêm uma apreciável quantidade de
matéria-prima e plásticos que também
precisam passar por um processo de
reciclagem.
Estas instruções foram imprimidas em
papel produzido sem adição de cloro.
Descrevem-se seguidamente os pro-
blemas e as avarias que podem ser so-
lucionados por si próprio. Caso as me-
didas de ajuda descritas não sejam
suficientes, consulte o capítulo "Repa-
ração".
APerigo!
Quando existem problemas e avarias
costumam suceder muitos acidentes.
Por isso deverá ter em consideração o
seguinte:
 Antes de solucionar a avaria, deve-
rá desconectar a ficha de conexão
à rede eléctrica.
 Depois de cada reparação active to-
dos os dispositivos de segurança e
verifique o seu estado.
O motor não funciona
Não há corrente eléctrica de alimenta-
ção:
 Verifique o cabo, a ficha, a ficha e o
fusível.
Nenhuma função de corte
Retenção para transporte bloqueada:
 Puxe o dispositivo de imobilização
para transporte para fora.
Bloqueamento de segurança bloquea-
da:
 Soltar o bloqueio de segurança.
Potência de corte demasiado baixa
Lâmina de serra cega (lâmina de serra
tem eventualmente marcas de sobrea-
quecimento no lado);
10. Conselhos e truques
11. Acessórios disponíveis
12. Reparações
13. Protecção do meio
ambiente
14. Problemas e avarias
Página: 48
PORTUGUÊS
49
Folha de serra imprópria para o mate-
rial a cortar (consultar o capítulo "Ca-
racterísticas Técnicas");
Folha de serra empenada:
 Substitua a folha da serra (consultar
o capítulo "Manutenção").
Serra com fortes vibrações
Folha de serra empenada:
 Substitua a folha da serra (consultar
o capítulo "Manutenção").
Folha de serra não está montada cor-
rectamente:
 Monte correctamente a folha da
serra (consultar o capítulo "Manu-
tenção").
Mesa giratória encravada
Existem aparas por baixo da mesa gi-
ratória:
 Remova as aparas.
15. Características Técnicas
KGS 216 M KGS 254 M
Tensão V 230 (1~ 50 Hz) 230 (1~ 50 Hz) 120 (1~ 60 Hz)
Absorção de corrente A 7 8,7 15
Protecção fusível A 10 (de acção
lenta)
10 (de acção
lenta)
16 (de acção
lenta)
Potência do motor (S6 20% 5 mín.) kW 1,5 1,8 1,6
Classe de protecção IP 20 20 20
Grau de protecção II II II
Número de rotações da folha da serra rpm 5000 4500 4850
Velocidade de corte m/s 55 55 60
Diâmetro da lâmina de serra (exterior) mm 216 254 254
Perfuração de alojamento da folha da serra (interior) mm 30 30 15,9 (⅝″)
Dimensões
Aparelho completo com embalagem 
(comprimento / largura / altura)
Aparelho operacional, Mesa giratória em posição de 90° 
(comprimento / largura / altura)
mm
mm
895 × 475 × 380
820 × 543 × 355
895 × 545 × 420
850 × 620 × 400
895 × 545 × 420
850 × 620 × 400
Corte transversal máximo da peça a ser trabalhada
Cortes rectos (largura / altura)
Cortes de meia esquadria (Mesa giratória 45°) 
(largura / altura)
Cortes inclinados (braço basculante 45° para a esquerda)
(largura / altura)
Cortes de meia esquadria duplos (mesa giratória 45° / bra-
ço basculante 45° para a esquerda) (largura / altura)
mm
mm
mm
mm
305 / 65
205 / 65
305 / 36

205 / 36
305 / 90
205 / 90
305 / 47

205 / 47
305 / 90
205 / 90
305 / 47

205 / 47
Peso
Máquina com embalagem completa
Máquina pronta para funcionar
kg
kg
19
14
23
17,5
23
17,5
Transporte e temperatura de armazenamento admissíveis °C 0 até +40° 0 até +40° 0 até +40°
Emissão de ruídos segundo a EN 61029-1
Níveis de potência acústica LWA
Intensidade acústica no ouvido do usuário LPA
Insegurança K
dB (A)
dB (A)
dB (A)
86,8
99,8
3,0
86,8
99,8
3,0
86,8
99,8
3,0
Valor efectivo da aceleração ponderada seg. a EN 61029-1
(vibração no punho) Soma vectorial ah
Insegurança K
m/s2
m/s2
< 2,5
1,5
< 2,5
1,5
< 2,5
1,5
Página: 49
PORTUGUÊS
50
Instalação de aspiração (não faz parte do material forne-
cido conjuntamente com o aparelho)
Diâmetro de conexão do bocal de aspiração no lado de trás
Rendimento mínimo da quantidade de ar
Depressão mínima no bocal de aspiração
Velocidade mínima do ar no bocal de aspiração
mm
m3/h
Pa
M/s

31,6
460
530
20

31,6
460
530
20

31,6
460
530
20
Laser de corte:
Potência máxima de saída
Comprimento de onda
Classe de produto laser
Norma de produto a laser
mW
nm
1,0
650
2
EN 60825-1:
1994 +A1+A2
1,0
650
2
EN 60825-1:
1994 +A1+A2
1,0
650
2
EN 60825-1:
1994 +A1+A2
KGS 216 M KGS 254 M
16. Lâminas de serra fornecíveis
Diâmetro Furo Quantidade de dentes Utilização N° de encomenda
216 mm 30 mm 24, dentes alternados Madeira 628 009 000
216 mm 30 mm 48, dentes alternados Madeira, contraplacados não revestidos 628 041 000
216 mm 30 mm 60 dentes planos em trapézio Madeira, placas revestidas e folheadas 628 083 000
254 mm 30 mm 24, dentes alternados Madeira, contraplacados não revestidos 628 220 000
254 mm 30 mm 48, dentes alternados Madeira, painéis 628 221 000
254 mm 30 mm 60, dentes alternados Madeira, painéis, perfis de plástico com espes-
suras largas
628 222 000
254 mm 30 mm 80 dentes planos em trapézio Madeira, painéis, canaletas de cabo, placas
folheadas de alta qualidade, laminados
628 223 000
Página: 66
PORTUGUÊS
45
– A mesa giratória está ajustada na
posição angular desejada;
– Braço basculante inclinado no ân-
gulo pretendido em relação à super-
fície da peça a trabalhar e retido.
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
Corte da peça de trabalho:
 Serrar a peça, tal como foi descrito
em "Cortes a direito".
8.6 Cortes de ranhuras
3Nota:
A limitação da profundidade de corte
possibilita, em conjunto com o dispositi-
vo de tracção, a elaboração de ranhu-
ras. Aqui não é efectuado um corte se-
parador pois a peça de trabalho
somente é cortada até uma determina-
da profundidade.
A Perigo de contragolpe!
Ao fazer ranhuras, é muito importante
que a folha da serra não seja sujeita a
uma pressão lateral. Caso contrário, a
cabeça da serra pode-se levantar de
repente! Ao fazer ranhuras, utilize um
dispositivo tensor. Evite exercer uma
pressão lateral sobre a cabeça da ser-
ra.
Posição inicial:
– Retenção para transporte retirada.
– Dobrar a serra para cima;
– Braço basculante inclinado no ân-
gulo pretendido em relação à super-
fície da peça de trabalho e fixo nes-
sa posição.
– A mesa giratória está ajustada na
posição angular desejada;
– O parafuso de fixação do dispositi-
vo de tracção está solto.
– Dispositivo de tracção encontra-se
atrás.
Corte da peça de trabalho:
1. Ajuste a limitação da profundidade
de corte (81) para a profundidade
de corte desejada e fixe essa posi-
ção com uma contraporca.(82)
2. Bascular bloqueio de segurança e
cabeça da serra para baixo a fim de
controlar a profundidade de corte
ajustada:
3. Fazer corte de teste.
4. Se necessário, repetir as etapas 1 e
3, até que a profundidade de corte
de corte desejada esteja ajustada.
5. Serrar a peça, tal como foi descrito
em "Cortes a direito".
APerigo!
Antes de realizar qualquer trabalho de
manutenção e limpeza deverá desco-
nectar a ficha de conexão à rede eléc-
trica.
– Toda as reparações ou operações
de manutenção, para além das des-
critas nesta secção, apenas podem
ser levadas a cabo por pessoal es-
pecializado.
– Só substitua peças danificadas, so-
bretudo os dispositivos de seguran-
ça, por peças genuínas. Peças que
não tenham sido testadas e libera-
das pelo fabricante, podem causar
danos imprevisíveis.
– Depois da manutenção ou limpeza
accione e verifique os dispositivos
de segurança.
9.1 Substituição da lâmina de
serra
ARisco de queimaduras!
Logo após o serrar, a lâmina de serra
pode estar muito quente. Deixe a lâmi-
na arrefecer bem. Não limpe um disco
da serra quente com líquidos combustí-
veis.
APerigo de corte também quan-
do a lâmina de serra está parada!
Ao soltar e apertar o parafuso tensor, a
tampa protectora pendular deve encon-
trar-se virada sobre a lâmina de serra.
Use sempre luvas ao substituir as fo-
lhas de serra.
1. Travar a cabeça da serra na posi-
ção de cima.
2. Para bloquear a folha de serra, pri-
ma o botão de retenção (83) e com
a outra mão, rode a folha de serra
até o botão de retenção engrenar.
3. Dasatarraxa parafuso tensor (85)
no eixo do disco da serra com cha-
ve sextavada interna (rosca esquer-
da!).
9. Manutenção e reparação
81 82
84
83
Página: 67
PORTUGUÊS
46
4. Soltar bloqueio de segurança (84) e
levar a cobertura protectora pendu-
lar (87) para cimar e reter.
5. Tirar flange externo (86) e lâmina
de serra cuidadosamente do eixo
da lâmina de serra, e fechar a co-
bertura protetora pendular nova-
mente.
APerigo!
Não utilize detergentes (por exemplo,
para eliminar resíduos de resina), que
possam atacar componentes de metal
leve; caso contrário a fixação da serra
pode ficar prejudicada.
6. Limpe a superfície de fixação:
– eixo do disco de serra (88),
– lâmina de serra:
– flange exterior (86),
– abraçadeira interior (90).
APerigo!
Coloque correctamente a abraçadeira
interior! Caso contrário, a serra pode-
se bloquear ou a folha da serra pode-
se soltar! A abraçadeira interior está
colocada correctamente quando a ra-
nhura circular apontar para o lado pla-
no do motor.
7. Encaixe a abraçadeira interior (90).
8. Soltar bloqueio de segurança e le-
var a cobertura protectora pendu-
lar para cimar e reter.
9. Colocar lâmina de serra nova –
Obedecer o sentido de rotação: Ob-
servando do lado esquerdo (aber-
to), a seta na lâmina de serra preci-
sa estar coincidindo com o sentido
da seta (89) na cobertura protectora
da serra!
APerigo!
Utilize apenas folhas de serra adequa-
das que estão concebidas para as rota-
ções máximas (ver "Dados técnicos") –
em caso de folhas de serra danificadas
ou inadequadas, as peças podem ser
arremessadas de modo explosivo devi-
do à força centrífuga.
Nunca utilize:
– Discos de alumínio duro (HSS);
– Folhas de serra danificadas;
– Separadores.
APerigo!
– Instale as lâminas utilizando apenas
peças originais.
– Não desaperte os casquilhos; a lâ-
mina pode ficar solta.
– A lâmina tem de ser instalada de
modo a não ficar desequilibrada, ou
colocada excentricamente, pois
pode desapertar-se durante a rota-
ção.
10. Fechar a cobertura protectora pen-
dular novamente.
11. Coloque a flange exterior – A super-
fície plana tem de indicar para o
motor!
12. Coloque o parafuso tensor (rosca
à esquerda!) e aperte com a mão.
Para bloquear a folha de serra, pri-
ma o botão de retenção e com a
outra mão rode a folha de serra até
o botão de retenção engrenar.
APerigo!
– Nunca prolongue o dispositivo para
aparafusar a lâmina da serra.
– Não apertar o parafuso de fixação
mediante pancadas na chave de
montagem.
13. Apertar novamente o parafuso de
tensor firmemente.
14. Verificar as funções. Para tal, desa-
tarraxar o bloqueio de segurança e
bascular a serra circulante oscilante
para baixo:
– A tampa protectora pendular de-
verá libertar a folha da serra ao
virar para baixo, sem tocar nou-
tras peças.
– Ao bascular a serra para a posi-
ção inicial, a cobertura protectora
pendular tem de cobrir automati-
camente a folha de serra.
– rode a folha de serra com a mão.
A folha de serra tem de rodar em
qualquer posição de ajuste sem
tocar noutras peças.
9.2 Substituição da peça
suplementar da mesa
APerigo!
Sempre que exista uma peça suple-
mentar da mesa existe o perigo de que
alguns objectos pequenos fiquem obs-
truídos entre essa peça e a lâmina da
serra podendo bloquear o sistema.
Substitua imediatamente as peças su-
plementares da mesa que estejam da-
nificadas!
1. Desaparafusar parafusos na inser-
ção da mesa (91). Girar, se neces-
sário, a Mesa giratória e inclinar a
cabeça da serra para poder ter
acesso aos parafusos.
2. Remova a inserção da mesa .
3. Coloque a inserção da mesa nova.
4. Aperte os parafusos no reforço de
mesa.
85 86
87
88 90
89
91
Página: 68
PORTUGUÊS
47
9.3 Ajustar o batente da peça
a trabalhar
1. Solte os parafusos de cabeça sex-
tavada interna (92).
2. Alinhe o batente da peça a traba-
lhar (91) de modo a estar num ân-
gulo recto em relação à folha de
serra quando a mesa giratória está
na posição 0.
3. Aperte os parafusos de cabeça sex-
tavada interior (92).
9.4 Ajustar laser de corte
1. Desaparafusar cobertura do laser
(94) e, se necessário, limpar vidro
na cobertura por fora.
Alinhar o laser em ângulo recto
2. Soltar parafuso sextavado interno
direito (97) e/ou parafuso sextavado
esquerdo (95) ou apertá-lo, a fim de
alinhar o laser em ângulo recto.
Alinhar lateralmente o laser
3. Soltar parafuso sextavado interno
do centro (96).
4. Empurrar unidade de laser no orifí-
cio oblongo horizontal:
– Para a direita = Linha de traçado
é deslocada pelo usuário (da sua
perspectiva) para a direita.
– Para a direita = Linha de traçado
é deslocada pelo usuário (da sua
perspectiva) para a esquerda.
5. Apertar parafusos sextavado inter-
no do centro novamente.
6. Aparafusar cobertura do laser (94)
novamente.
9.5 Verificar e substituir as
escovas de carvão
Pode-se reconhecer que as escovas de
carvão estão desgastadas através:
– de um funcionamento irregular do
motor;
– avarias na recepção das emissões
de rádio e televisor, enquanto o mo-
tor está em funcionamento;
– da paragem do motor.
Para verificar e substituir as escovas
de carvão:
1. Retire a ficha da tomada.
2. Desaparafuse o tampão das esco-
vas de carvão na caixa do motor
com uma chave de fendas adequa-
da.
A figura ilustra a substituição da es-
cova de carvão dianteira (98). A se-
gunda escova de carvão encontra-
se no lado oposto da caixa do mo-
tor.
3. Remova as escovas de carvão (98)
e verifique. A escova tem de ter,
pelo menos, 8 mm de comprimento.
4. Coloque as escovas de carvão
boas na calha. As abas laterais da
pequena placa de metal têm de en-
caixar nas ranhuras laterais na ca-
lha.
5. Volte a enroscar o tampão.
6. Repita as etapas 2 até 5 respectiva-
mente a fim de substituir a segunda
escovas de carvão no lado oposto
do motor.
7. Verifique o funcionamento da serra.
9.6 Limpeza do aparelho
Retire pó de serra e pó com escova ou
aspirador de pó de/do
– Dispositivos de ajuste;
– Elementos de funcionamento;
– Abertura de arrefecimento do mo-
tor;
– Espaço por baixo da inserção da
mesa.
– Espaço sobre a unidade de laser.
9.7 Armazenamento da
máquina
APerigo!
 Guarde a máquina de maneira a
que ninguém sem autorização a
possa utilizar.
 Certifique-se de que ninguém se
pode ferir com o aparelho.
A Cuidado!
 Não guarde o aparelho sem protec-
ção ao ar livre ou em ambientes hú-
midos.
 Tenha em consideração as condi-
ções ambientais necessárias (con-
sultar também o capítulo "Caracte-
rísticas Técnicas").
9.8 Manutenção
Antes de cada aplicação
 Remover as aparas de corte com
um aspirador ou pincel.
 Comprove se os cabos e a tomada
da rede estão deteriorados e, se for
preciso, peça ajuda a um técnico
electricista qualificado.
 Comprovar se todas as peças po-
dem mover-se de forma livre por
toda a zona de deslocamento.
Regularmente, dependendo das con-
dições de aplicação
 Controlar todas uniões aparafusa-
das, se necessário, apertar.
 Verifique a função de reposição da
cabeça da serra (a cabeça da serra
deverá regressar à posição inicial
superior, através de um efeito de
mola) e, se for necessário, substi-
tua-a.
 Aplique um pouco de óleo nos ele-
mentos das guias.
92 92
93
96
94 95 97
98
Página: 69
PORTUGUÊS
48
– Nas peças de trabalho compridas
utilize, à esquerda e à direita da
serra, uma base apropriada.
– No caso de cortes inclinados, segu-
re a peça de trabalho à direita da
folha da serra.
– Ao cortar peças pequenas, utilize
um batente adicional (como batente
adicional pode ser utilizado, p.ex.
uma tábua de madeira adequada
que é aparafusada no batente do
aparelho).
– Ao cortar uma tábua ondulada (em-
penada), coloque o lado com a on-
dulação para o exterior, no batente
da peça de trabalho.
– Não cortar as peças a trabalhar ao
alto, mas sim, colocá-los deitados
na mesa giratória.
– Manter as superfícies das mesas de
apoio limpas – remover principal-
mente resíduos de resina com um
spray de limpeza e de conservação
adequado.
Para serviços especiais podem ser ad-
quiridos no comércio especializado os
seguintes acessórios – as ilustrações
podem ser vistas na contracapa final:
A Depósito para a lâmina da serra
para um armazenamento seguro
das lâminas da serra e dos acessó-
rios.
B Spray de manutenção e tratamento 
para remover resíduos de resina e
conservar as superfícies metálicas.
C Adaptador do aspirador
para ligação de um equipamento
aspirador de aparas nas tubuladu-
ras de aspiração de aparas.
D Bases da máquina
Bases da máquina e prolongamento
da mesa em construção estável e
robusta. Altura regulável.
Lâminas de serra para KGS 216 M:
E Folha de serra em metal duro
216 x 2,4 / 1,8 x 30 24 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira maciça.
F Folha de serra em metal duro
216 x 2,4 / 1,8 x 30 48 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira maciça e contra-
placado.
G Folha de serra em metal duro
216 x 2,4 / 1,8 x 30 60 FT
para cortes longitudinais e transver-
sais em placas revestidas e folhea-
das.
Lâminas de serra para KGS 254 M:
H Folha de serra em metal duro
254 x 2,4 / 1,8 x 30 24 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira maciça e contra-
placado sem revestimento.
I Folha de serra em metal duro
254 x 2,4 / 1,8 x 30 48 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira e painéis.
J Folha de serra em metal duro
254 x 2,4 / 1,8 x 30 60 W
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira, painéis e perfis de
plástico com parede larga.
K Lâmina de serra de metal duro 
254 × 2,4 / 1,8 × 30 80 FT
para cortes longitudinais e transver-
sais em madeira, painéis, canaletas
de cabo, placas folheadas de alta
qualidade e laminados.
APerigo!
Reparações em ferramentas eléctrcas
só devem ser efectuadas por eletricis-
tas!
Ferramentas eléctricas que necessi-
tem de reparações podem ser enviadas
aos representantes autorizados do seu
país. Os endereços encontram-se na
lista de peças de reposição.
Por favor, descreva o defeito constata-
do antes de enviar a peça para repara-
ção.
O material de embalagem da máquina
é 100% reciclável.
As ferramentas eléctricas sem possibili-
dade de reparação e os acessórios
contêm uma apreciável quantidade de
matéria-prima e plásticos que também
precisam passar por um processo de
reciclagem.
Estas instruções foram imprimidas em
papel produzido sem adição de cloro.
Descrevem-se seguidamente os pro-
blemas e as avarias que podem ser so-
lucionados por si próprio. Caso as me-
didas de ajuda descritas não sejam
suficientes, consulte o capítulo "Repa-
ração".
APerigo!
Quando existem problemas e avarias
costumam suceder muitos acidentes.
Por isso deverá ter em consideração o
seguinte:
 Antes de solucionar a avaria, deve-
rá desconectar a ficha de conexão
à rede eléctrica.
 Depois de cada reparação active to-
dos os dispositivos de segurança e
verifique o seu estado.
O motor não funciona
Não há corrente eléctrica de alimenta-
ção:
 Verifique o cabo, a ficha, a ficha e o
fusível.
Nenhuma função de corte
Retenção para transporte bloqueada:
 Puxe o dispositivo de imobilização
para transporte para fora.
Bloqueamento de segurança bloquea-
da:
 Soltar o bloqueio de segurança.
Potência de corte demasiado baixa
Lâmina de serra cega (lâmina de serra
tem eventualmente marcas de sobrea-
quecimento no lado);
10. Conselhos e truques
11. Acessórios disponíveis
12. Reparações
13. Protecção do meio
ambiente
14. Problemas e avarias
Página: 70
PORTUGUÊS
49
Folha de serra imprópria para o mate-
rial a cortar (consultar o capítulo "Ca-
racterísticas Técnicas");
Folha de serra empenada:
 Substitua a folha da serra (consultar
o capítulo "Manutenção").
Serra com fortes vibrações
Folha de serra empenada:
 Substitua a folha da serra (consultar
o capítulo "Manutenção").
Folha de serra não está montada cor-
rectamente:
 Monte correctamente a folha da
serra (consultar o capítulo "Manu-
tenção").
Mesa giratória encravada
Existem aparas por baixo da mesa gi-
ratória:
 Remova as aparas.
15. Características Técnicas
KGS 216 M KGS 254 M
Tensão V 230 (1~ 50 Hz) 230 (1~ 50 Hz) 120 (1~ 60 Hz)
Absorção de corrente A 7 8,7 15
Protecção fusível A 10 (de acção
lenta)
10 (de acção
lenta)
16 (de acção
lenta)
Potência do motor (S6 20% 5 mín.) kW 1,5 1,8 1,6
Classe de protecção IP 20 20 20
Grau de protecção II II II
Número de rotações da folha da serra rpm 5000 4500 4850
Velocidade de corte m/s 55 55 60
Diâmetro da lâmina de serra (exterior) mm 216 254 254
Perfuração de alojamento da folha da serra (interior) mm 30 30 15,9 (⅝″)
Dimensões
Aparelho completo com embalagem 
(comprimento / largura / altura)
Aparelho operacional, Mesa giratória em posição de 90° 
(comprimento / largura / altura)
mm
mm
895 × 475 × 380
820 × 543 × 355
895 × 545 × 420
850 × 620 × 400
895 × 545 × 420
850 × 620 × 400
Corte transversal máximo da peça a ser trabalhada
Cortes rectos (largura / altura)
Cortes de meia esquadria (Mesa giratória 45°) 
(largura / altura)
Cortes inclinados (braço basculante 45° para a esquerda)
(largura / altura)
Cortes de meia esquadria duplos (mesa giratória 45° / bra-
ço basculante 45° para a esquerda) (largura / altura)
mm
mm
mm
mm
305 / 65
205 / 65
305 / 36

205 / 36
305 / 90
205 / 90
305 / 47

205 / 47
305 / 90
205 / 90
305 / 47

205 / 47
Peso
Máquina com embalagem completa
Máquina pronta para funcionar
kg
kg
19
14
23
17,5
23
17,5
Transporte e temperatura de armazenamento admissíveis °C 0 até +40° 0 até +40° 0 até +40°
Emissão de ruídos segundo a EN 61029-1
Níveis de potência acústica LWA
Intensidade acústica no ouvido do usuário LPA
Insegurança K
dB (A)
dB (A)
dB (A)
86,8
99,8
3,0
86,8
99,8
3,0
86,8
99,8
3,0
Valor efectivo da aceleração ponderada seg. a EN 61029-1
(vibração no punho) Soma vectorial ah
Insegurança K
m/s2
m/s2
< 2,5
1,5
< 2,5
1,5
< 2,5
1,5
Página: 71
PORTUGUÊS
50
Instalação de aspiração (não faz parte do material forne-
cido conjuntamente com o aparelho)
Diâmetro de conexão do bocal de aspiração no lado de trás
Rendimento mínimo da quantidade de ar
Depressão mínima no bocal de aspiração
Velocidade mínima do ar no bocal de aspiração
mm
m3/h
Pa
M/s

31,6
460
530
20

31,6
460
530
20

31,6
460
530
20
Laser de corte:
Potência máxima de saída
Comprimento de onda
Classe de produto laser
Norma de produto a laser
mW
nm
1,0
650
2
EN 60825-1:
1994 +A1+A2
1,0
650
2
EN 60825-1:
1994 +A1+A2
1,0
650
2
EN 60825-1:
1994 +A1+A2
KGS 216 M KGS 254 M
16. Lâminas de serra fornecíveis
Diâmetro Furo Quantidade de dentes Utilização N° de encomenda
216 mm 30 mm 24, dentes alternados Madeira 628 009 000
216 mm 30 mm 48, dentes alternados Madeira, contraplacados não revestidos 628 041 000
216 mm 30 mm 60 dentes planos em trapézio Madeira, placas revestidas e folheadas 628 083 000
254 mm 30 mm 24, dentes alternados Madeira, contraplacados não revestidos 628 220 000
254 mm 30 mm 48, dentes alternados Madeira, painéis 628 221 000
254 mm 30 mm 60, dentes alternados Madeira, painéis, perfis de plástico com espes-
suras largas
628 222 000
254 mm 30 mm 80 dentes planos em trapézio Madeira, painéis, canaletas de cabo, placas
folheadas de alta qualidade, laminados
628 223 000

Perguntas e respostas

Ainda não há perguntas sobre o Metabo KGS 216 M.

Pede informação sobre o Metabo KGS 216 M

Tens uma pergunta sobre o Metabo KGS 216 M mas não consegues encontrar uma resposta no manual de utilizador? Provavelmente os utilizadores do ManualsCat.com podem ajudar-te a responder à tua pergunta. Ao completar o seguinte formulário, a tua pergunta irá aparecer abaixo do manual do Metabo KGS 216 M. Certifica-te de descrever o problema encontrado no Metabo KGS 216 M na forma mais precisa possível. Quanto mais precisa for a tua pergunta, mais possibilidades terás de receber rapidamente uma resposta por um outro utilizador. Receberás automaticamente um e-mail para informar-te que alguém respondeu à tua pergunta.